4.2.11

apagão no Nordeste

Na noite passada tive uma experiência incrivel, nunca na minha vida tinha visto um céu tão limpo, tão grande e tão brilhante salpicado de estrelas, podia ver as nebulosas, era tão intenso o brilho que pareciam luzinhas de natal espalhadas pelo céu. Como aqui em Salvador não tem ar poluído e a noite não tinha nenhuma nuvem a profundeza do céu era impressionante, uma sensação de grandeza me invadiu, o mistério do Universo é coisa que vem com muita força num momento assim.
Estava sozinha em casa, passava das 11 da noite, tudo apagou e um silêncio enorme se fez. Fui para o jardim e foi um espanto me deparar com aquela chuva de estrelas, jamais tinha visto o céu desse jeito, dava para identificar as constelações, coisa rara para quem vive nas cidades.
Eu queria ter uma câmera que captasse aquele céu, mas tem coisas que só ficam registradas na alma.
Deitei na rede e fiquei observando aquela imensidão e o balançar das folhas do coqueiro, assim adormeci com a suave brisa do mar e as estrelas a me espiar.


imagens do site UOL

Enquanto olhava o céu em todos os seu detalhes me vinha à cabeça esta música, eu fiquei feliz!
 3 de fevereiro, uma noite para não esquecer


um amigo do meu filho de Salvador postou no Facebook
"Aqui em Ituberá ao apagar das luzes fui ver o céu. As estrelas pareciam brincar em um leçol de luzes que se irradiava. Observando toda sua esplendorosa beleza, no balançar da rede, adormeci. Com cada uma delas eu sonhei. Ao despertar, de imediato, ouço cantos dos pássaros anunciando o astro rei que se revela na linha do horizonte formada pelo rio. E neste silêncio que até agora se faz tão nítido, eu me pergunto... como as pessoas não param para ouví-lo? Deus fala suave com aqueles que suavemente escutam sua voz. Agradeço pelo privilégio tão simples de estar, em família, nesse ambiente. Agora só um banho de cachú... "
*

9 comentários:

Tania Forti disse...

Oi, Ju, fiquei sabendo do apagão hoje de manhã. Que privilégio ver um céu estrelado assim. Há muito tempo, vivia na zona rural e essas cenas eram uma constante, hoje, na cidade iluminada, só com um apagão, mesmo, para lembrarmos que somos apenas um ponto na imensidão que nos cerca.
beijos e ótimo findi

Inês disse...

Ju


Engraçado, quando vi a notícia, lembrei-me de você.
Que mistério tem o universo, não? Passa uma mensagem do poder de Deus
e a nossa pequenez diante de tantos mistérios.


Já pensou que sonhos você teve na rede?


Bjs
Inês

Jussara Gehrke disse...

pois é, Inês, tive uns sonhos até engraçados na rede...rsrs... com um amigo que mora em Londres.

IZILDA disse...

É, Ju. Ocasiões como essa são verdadeiros privilégios, nos dias de hoje.
No ano passado, passeio o carnaval na beleza e paz da Praia do Espelho, aí na Bahia, e a coisa de que mais gostei foi de estar na mais completa escuridão à noite e poder olhar para esse manto inigualável de milhares de estrelas e planetas. É uma emoção indizível sentir-se apenas um pontinho insignificante nessa imensidão do Universo.
Isso nos faz redimensionar a visão de mundo. Perceber que nos damos - e a nossos problemas, muita importância. Essa integração com o todo faz bem à alma.
Obrigada por compartilhar sua experiência e me ajudar a resgatar a minha...
Beijo carinhoso,
Zi

Nadja Barros disse...

Vc viu, Juju?

Aqui em casa, os meninos já dormiam, mas foi só a luz apagar, acordaram todos!

Acabaram dormindo no sofá e eu ainda na janela, de pescoço já doendo, achando aquela imensidão toda linda linda linda!

Céu estrelado como o de ontem, só mesmo na minha infância, lá no Acre, quando a energia era só até o começo da noite, principalmente no verão, pra economizar o diesel que movia a usina elétrica!

Voltei à infância ontem! Pena de quem estava nas ruas ou nos hospitais (moro de frente a um!) e, prejuízos a parte, o apagão teve lá seu encanto!

grande bjo!
Nadja

Veronica Arteira disse...

JU, o privilégio de poder apreciar o céu desta forma é para poucos. No interior ainda temos isso, graças a Deus. E que sincronicidade é essa de falarmos de rede??? Até o amigo do seu filho postou sobre isso... rs Acho que os apagões,afinal, tiveram um bom resultado, né?
Ai que vida boaaaaaaaaaaaa!!!
Bjsssssssss

Pablo Furii disse...

Só uma vez na vida pude sentir dois momentos únicos: Poder ver o céu a noite sem a interferência das luzes das cidades e o escuro absoluto.
Ambos, tão antagônicos e tão ímpares.
Ambos, a paz tão bem percebida.
Ambos tão límpidos...

Notícia em Verso disse...

No Nordeste foram cinco horas de breu total
Quase toda a região, 8 estados, afetada no geral
Tudo parado, aeroporto, sinal de trânsito...
Em alguns pontos, medo de assalto, pânico

O primeiro problema do tipo da nova presidente
Que já foi ministra e nessa cadeira esteve presente
Portanto, se conhecimento de causa tem sobrando
Que faça jus a experiência com sistema funcionando

O atual dono do cargo ainda está em aprendizado
Questionado, minimizou o problema: estava errado
Disse ter havido apenas uma "temporária interrupção"
Edison Lobão, lamento, até seu nome rima com “apagão”

Sem luz, hospitais pararam de funcionar
Aeronaves no chão: não puderam decolar
Até no abastecimento de água interferiu
Um quinto do território o problema atingiu

Só que o governo sequer reconheceu a questão
Ficamos no escuro, porém não perdemos a visão
Se o sistema é bom, mas tem fragilidades a consertar
Que se iluminem as mentes de quem possa solucionar

http://noticiaemverso.com
twitter: @noticiaemverso

Beatriz disse...

Saudades de um céu estrelado. A nuvens aqui são muitas e muito ciumentas.

bjs,