19.4.12

3 anos da casa baiana

Faz exato um mês que não faço posts aqui e em nenhum dos outros blogs, não é falta de inspiração, estou com muitas ideias, fotos e histórias para contar e não sei por onde começar... mas hoje é um dia especial, então vim fazer esse post.
No dia 19 de abril de 2009 chegamos na nossa casinha baiana, num dia como o de hoje, assim molhado, chuva que vem e que vai...


Parece que faz muito mais tempo que estamos aqui, a casa tem o nosso jeito, é simples, descontraída, folgada mesmo, sem qualquer pretensão a não ser a paz e a alegria. No dia que chegamos não tinha nem os móveis, o caminhão da mudança atrasou e nós ficamos acampados. Na primeira noite me lembro do barulho do mar e de quanto eu me senti tranquila com isso. A casa estava bem detonada, quem acompanhou aqui pelo blog deve se lembrar de como ela era e de tudo que andamos fazendo por aqui nesses 3 anos, ainda falta muito para ficar como queremos, mas não temos pressa, o bom é ir devagar.


A foto de cima foi o Tunico que fez com o celular quando veio conhecer a casa, a foto de baixo fiz hoje do mesmo local de onde foi feita a primeira, mas o pé de côco fica na frente agora. Dá para perceber que o jardim cresceu bastante nesse tempo! A única planta que tinha aqui era essa primavera velhinha, que continua aqui, velhinha, mas sempre florida.


Nossos companheiros que vivem na casinha baiana coma gente: Ralph e Zeca os soteropolitanos e o Joca paulistano. Hoje está chovendo, aquela chuva baiana que vai e vem, mesmo com a chuva eles não deixam de ir latir no portão, um dos esportes favoritos do trio.


A varanda, para mim, é a parte principal da casa e a mais gostosa. Esta foto é de hoje, com a chuva, está na hora de recolher as redes porque ficam úmidas na época do inverno porque é a época de chuvas em Salvador, então tem que colocar quando vamos usar e recolher depois, senão ficam encharcadas. Inverno aqui não significa frio, a temperatura fica na média de 27 graus, à noite esfria um pouquinho mais, chega a uns 20 graus, aí não precisamos de ar condicionado para dormir. Mas não pense que a chuva aqui é tempestade, nada! é mansa... como os baianos... pesada e gostosa, sem ventanias, raios ou trovões. E também não é intermitente, vem uma nuvem e chove, ela vai embora e abre o céu, depois vem outra, é assim...


Já estamos preparados para o inverno com uma enorme seleção de filmes que o Tunico tem baixado, curtimos nosso cineminha esparramados nos sofás. Ah, notaram que as poltronas da varanda mudaram de cor e agora estão na sala? Aqui nunca sossegamos, estamos sempre inventando.


Já voltei de viagem há alguns dias, só que ando sem muita animação para fazer posts, tenho muitas fotos para mostrar e histórias para contar, vamos ver se agora me animo e mostro mais um pouco da minha estada em Estocolmo.


19 de abril, além de ser o dia da nossa chegada à Bahia, é Dia do Índio, dia de Santo Expedito e aniversário do rei, Roberto Carlos, quantas efemérides!

*


5 comentários:

Inês disse...

Você é quem nem euzinha!
Não esquece o aniversário do Roberto!
Ele está na agenda, nem precisaria. Vi na tv que um pessoal fêz um bolo de andares azul prá ele e, foram cantar parabéns. Acho que irá passar no Jornal Nacional.
Hoje tbém é aniversário do Luis Miguel, outro cantor que gosto muito.
Falando na sua casa, é bem animador a gente mudar os móveis, parece que estamos em outra casa.
Chuva?
A D O R O!!!!!
Dá paz, apaga o sol um pouco, que calor não é comigo, faz bem às plantas, a sensação é muito boa.
Espero outros posts seus...

Bjs
Inês

Taia Assunção disse...

A casa de vocês é um charme. Eu também amo minha casinha baiana, quando estamos lá, sempre há algo a ser arrumado, pintado, lixado. Em novembro, fará três anos que a compramos. No início desse ano, compramos o lote do fundo. Agora temos quase 1000m2 de área. Poderemos dobrar o jardim, fazer uma varanda gostosa para por os artesanatos africanos que temos. Nossa, um monte de sonhos. Beijocas e parabéns para vocês por esses três anos cheios de vida!

Mila Machado disse...

Ju a sua casa é muito charmosa, sempre foi. Lembro-me de quando me mostrou as fotos do apartamento em Campinas, das estantes cheias de livros, os simples detalhes e charmosos e flores SEMPRE!
Parabén pela escolha feita há 3 anos atrás. E continue feliz para sempre em sua casa baiana!
Saudades...
Bjo bjo

£èoª Fogaça disse...

JU, CONFESSE: VC E DEUS TÊM ALGUMA MARACUTAIA???
FALA SÉRIO...RS...
A D O R O O O O ESSE JEITO PESCADOR DE SER...NÃO HÁ UMA SÓ PESSOA NO PLANETA QUE NÃO QUEIRA PESCAR ASSIM....RS...PARABÉNS, QUERIDA...
SE FOREM MARCAR ALGO PRO DIA SEGUINTE DO BAILE ME AVISA?

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Falando de amor


Essencialmente falando
de amor
podemos usufruí-lo
em dois mundos:
Horizontal
e o Vertical.
Ambos essenciais
para a nossa felicidade...


Poeta Francis Perot
CANTORA DEYSE MARANE PRA VOCÊ...
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=0-nCaDHGwwA