24.2.10

ela aproveitou!

Maria Cláudia vai embora hoje, passou 25 dias aqui em casa curtindo Salvador, essa sabe aproveitar!

 

Ela veio para a Festa de Iemanjá, no dia 2 de fevereiro fomos ao Rio Vermelho jogar flores e água de lavanda no mar. Seria uma viagem de menos de uma semana. Alguns dias antes de vir tinha começado a aprender fazer mosaico com um professor em São Paulo, quiz então sair para comprar material para fazer mosaicos de presente para a nossa casa baiana. E foi assim que acabou conhecendo o arquiteto e mosaicista famoso da cidade, Eliezer Nobre, que a convidou para visitar uma obra e foi aí que ela se encantou, começou a trabalhar com ele no canteiro de obra, saia cedinho de casa e passava o dia todo embaixo do sol colando caquinhos nos muros. Esse trabalho será inaugurado no final de abril, então até lá não posso mostrar, mas é algo espetacular.
Bem, sendo assim mudou a passagem de volta para São Paulo, já que estava aqui, por que não ficar para o carnaval? Marcou a volta para o domingo de carnaval achando que um dia seria suficiente para conhecer um pouco da folia. Porém, quando foi comprar o abadá para o camorote de sexta não resistiu e comprou para domingo e segunda.
Chegou o carnaval e essa mulher foi 5 dias para a avenida, 3 dias em camarotes e 2 dias na pipoca, viu todos os trios e blocos, viu de perto Ivete Sangalo, Daniela Mércury, Cláudia Leite, Bell do Chiclete com Banana, Durval Lellis do Ásia de Águia, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Margareth Menezes, Banda Eva, Moraes Moreira, Psirico, Parangolé, Filhos de Ghandy, tudo que tinha direito e muito mais.
E só o carnaval não foi o suficiente! Depois do carnaval aqui em Salvador tem "shows da ressaca" e lá foi ela para o show de Carlinhos Brown w Ivete Sangalo, ficou no gargarejo, fotografou até o pé da Ivete!
E durante os dias que passou aqui tive também a oportunidade de conhecer lugares que ainda não tinha ido, como o terreiro Ilé Axé Opo Afonjá e recebi as bençãos de Mãe Stella de Oxóssi. Fomos à bela praia do Flamengo, à Praia do Forte, visitamos o Projeto TAMAR e tomamos banho numa deliciosa lagoa lá perto.
E foi assim, passeios, várias roskas de seriguela, várias cervejinhas, muitos acarajés, muitas comidas gostosas em casa, vinho branco gelado, a barraca Oásis aqui em frente de casa, esse mar quente e muito sol e calor.
Nem dá pra contar tudo que a Maria fez nestes dias, só posso dizer que ela não parou, conheceu gente, fez arte, se divertiu, aprendeu e volta bronzeada para a cidade cinza, prometendo pra ela mesma que dentro de pouco tempo estará de volta, até já deixou algumas roupas aqui no armário.

3 comentários:

Eduardo Gehrke disse...

Maria é uma pessoa especial. Eu voto nela.

Eduardo Gehrke disse...

Maria é uma pessoa especial. Eu voto nela.

Humano Tchélo disse...

Maria, Maria é um dom, uma certa magia. Uma força que nos alerta.
Uma mulher que merece viver e amar como outra qualquer do planeta!